Resumão da semana: Bolsa em alta, dólar em baixa, LCA do BB a R$ 3 mil, e mais!

O resumão dessa semana traz as últimas novidades no mundo dos investimentos, comentando a “galopada” do Ibovespa, a queda brusca do dólar, a novidade na LCA do BB, e mais!

Bolsa chega aos 56 mil pontos e acumula alta de mais de 13% no ano

Graças principalmente aos avanços nas cotações das ações da Petrobras – por conta da divulgação de seu balanço auditado – e da Vale – em função do aumento do minério de ferro – o Ibovespa está galopando a passos largos. O Índice fechou a semana aos 56 mil pontos, acumulando uma alta de mais de 13% nesse ano de 2015.

Dentro desse contexto, vale destacar a expressiva valorização das ações da Vale, mais de 30% em uma semana, o seu melhor resultado semanal em 16 anos. E isso sem contar as ações da Petrobras, que valorizaram mais de 80% desde o mês passado.

Alguém pode estar se perguntando como a Bolsa pode estar subindo tanto se a previsão do PIB do Brasil para 2015 é de queda de 1%.

Como resposta, vale recordar as lições da História, conforme comentei em outro artigo, publicado aqui no blog há meia década (!!!): o crescimento da economia – PIB – tem correlação *NEGATIVA* com o retorno no mercado de ações. Ou seja, quando o PIB cresce, as ações caem; e quando o PIB decresce, as ações sobem. Vale a pena conferir as explicações.

Além disso, não há como não mencionar também o forte viés emocional que toma conta dos investidores em momentos de crise, derivado, em boa parte do efeito manada: quando a economia está em crise e todo mundo começa a vender as ações, a tendência natural dos investidores é também venderem as suas próprias ações. Difícil é remar contra a maré.

Pois quem remou contra a maré certamente irá colher bons frutos daqui a não muito tempo. 😉

Dólar a R$ 4? Pois já está abaixo de R$ 3…

Quem tem um pouquinho mais de conhecimento do mercado financeiro deve estar se divertindo com o comportamento de muitas pessoas quando o dólar iniciou sua escalada de alta no começo do ano.

Isso ocorre porque as pessoas, quando estão no “olho do furacão”, ou seja, no meio de uma tempestade, não conseguem enxergar direito, e acham que a tendência é as coisas piorarem ainda mais.

Foi exatamente isso que ocorreu com o dólar.

Houve até gente conhecida do mundo da educação financeira que dizia frequentemente, na época em que o dólar chegou a R$ 3,30, que ele estava MUUUUITO barato, e que poderia subir ainda mais. O que se viu, então, foram pessoas desesperadas comprando quantias absurdamente altas da moeda americana, ou investindo boas quantias em fundos cambiais, achando que o céu não tinha limite, e que a coisa podia descambar para cotações surrealistas.

Bom, nada como dar tempo ao tempo para descobrir que essas pessoas estavam todas erradas. Nada sobe “para sempre”: no mercado financeiro, há ciclos de altas e ciclos de baixas, ondas de euforia, que inflacionam os preços dos ativos, e ondas de depressão, que barateiam os preços desses mesmos ativos. No mercado financeiro, os preços dos ativos tendem a convergir para um ponto de equilíbrio, um “retorno à média”.

Essa última semana foi particularmente importante para comprovar que nem o dólar escapa a essa tendência, pois fechou cotado a R$ 2,98, acumulando rentabilidade negativa de mais de 6% só nesse mês de abril.

Embora não se saiba qual será o tal ponto de equilíbrio na cotação do dólar, uma lição é certa: não entrem na onda dos exagerados, seja os exageradamente otimistas, seja os exageradamente pessimistas.

LCA BB: aplicação mínima SUBSEQUENTE cai de R$ 30k para R$ 3k

Uma ótima notícia para quem já investe ou pretende investir nas Letras de Crédito do Agronegócio do Banco do Brasil: o valor da aplicação mínima SUBSEQUENTE caiu de estratosféricos R$ 30 mil para R$ 3 mil.

BB LCA 3k

O valor percentual do DI continua nos mesmos 84%, o que continua tornando esse investimento uma excelente opção dentro da categoria de produtos bancários.

Conforme alertado pelos leitores na caixa de comentários, o valor mínimo inicial continua sendo de R$ 30 mil. O que mudou foi a aplicação mínima para depósitos subsequentes, que caiu de R$ 30k para R$ 3k.

Para quem tem dúvidas sobre como acessar esse tipo de investimento, não deixe de conferir as últimas atualizações na caixa de comentários ao artigo sobre a LCA.

Tesouro Direto IPCA+: títulos de vencimento mais curto apresentando taxas mais atrativas do que os de vencimento mais longo

Quem está acostumado a investir no Tesouro Direto, particularmente no TD IPCA+, já deve ter percebido que, em regra, os títulos com datas de vencimento mais longas apresentam taxas de juros maiores, justamente para compensar o risco de terem maiores oscilações nos valores de mercado no curto prazo.

Contudo, o cenário atual, com inflação em alta, mas com alguma perspectiva de melhora a médio e longo prazo, está fazendo com que essa equação se inverta.

Dizendo isso em outros termos: os títulos com prazos mais curtos têm apresentado taxas de juros melhores do que os títulos mais longos. Confiram:

Tesouro Direto

Observem que o Tesouro IPCA+ 2019 está pagando 6,68% a.a., enquanto o Tesouro IPCA+ 2050 está pagando juros fixos de 6,10% a.a., uma diferença de mais de meio por cento a favor do título de prazo mais curto, que é justamente o que carrega menos riscos. Chega a ser estranho que o investimento que em tese contenha menos riscos seja o que esteja pagando uma rentabilidade maior. Afinal, a regra no mercado financeiro é quanto maior o retorno, maior o risco…

Rotineiramente, eu tenho preferido os títulos com prazos mais longos, como o IPCA 2024 e IPCA 2035, porém, diante desse cenário atual, tenho pensado em talvez modificar um pouco essa estratégia, e comprar os títulos de prazo mais curto. E vocês?

Tenham uma ótima semana, e bons investimentos a todos!

Print Friendly, PDF & Email

, , , , ,

63 Responses to Resumão da semana: Bolsa em alta, dólar em baixa, LCA do BB a R$ 3 mil, e mais!

  1. drmt 27 de abril de 2015 at 6:42 #

    Até me interessei por colocar 3k em LCA BB, mas entrei no Home Banking agora e só tinha disponível mínimo 30k. Será que é só para alguns clientes especiais?

    • Rosana 27 de abril de 2015 at 10:12 #

      drmt,

      Pelo que entendi na Órama, há uma quantidade específica a ser disponibilizada. Por isso não encontrou mais o de 3 k que queria.
      Espero ter ajudado!

  2. Madruga 27 de abril de 2015 at 8:04 #

    Comprei semana passada comprei 6x NTN-B Princ. 2019… está bem atrativo mesmo!

  3. Rosana 27 de abril de 2015 at 10:23 #

    Guilherme,

    Muito bom seu post, ainda mais em tempos de economia tão incerta e turbulenta.

    Há alguma explicação para os títulos do TD de longo prazo estarem com taxas menores do que os de curto prazo?
    Não seriam motivos suficientes para taxas maiores para prazos maiores:
    1) o risco associado ao longo prazo;
    2) a indisponibilidade do valor investido por muito tempo – exceto em caso de venda antecipada que acaba prejudicando o valor investido?

    Abraços,
    Rosana

    • Guilherme 27 de abril de 2015 at 20:28 #

      Oi Rosana,

      Eu acredito que isso possa derivar de uma percepção do mercado no sentido de que a inflação no curto prazo continuará alta – na casa dos 7%, talvez 8% – mas que, no médio e longo prazos, ela decairá.

      Eu acho que isso justificaria essa anomalia de as taxas no curto prazo estarem mais atrativas: depois das últimas atitudes tomadas pela equipe econômica, há uma sensação de que o ajuste fiscal poderá resultar em queda da inflação no médio prazo.

      Isso não resolveria o problema no curto prazo, então, o mercado aposta que a inflação vai ceder daqui a 2, 3 ou 4 anos, o que justificaria essa anomalia das taxas invertidas.

      Abç!

      • Rosana 28 de abril de 2015 at 6:38 #

        Guilherme,

        Agradeço por suas respostas, foram muito esclarecedoras! 🙂
        Espero que o mercado esteja certo em relação a possível queda da inflação.

        Abraços,
        Rosana

        • Guilherme 28 de abril de 2015 at 16:47 #

          Também espero Rosana.

          Inflação de 8% é a oficial, já que a que a gente sente no dia-a-dia está bem acima desse patamar…

          Abç!

  4. Denny Torres 27 de abril de 2015 at 14:45 #

    LCA Banco do Brasil, nada de 3K.

    Minima aplicação continua à 30K

    • Leonardo 27 de abril de 2015 at 15:08 #

      Parece que na verdade precisa ter mais de 30k investido no BB. A partir daí, a aplicação mínima da LCA passa a ser 3k.

      • Fallas 27 de abril de 2015 at 16:03 #

        Obrigado, Leonardo, é isso mesmo…

      • David 27 de abril de 2015 at 16:35 #

        Exatamento isso! Tenho uma graninha em LCA e fui ver este valor e realmente está 3k, mas pelo jeito é (e vc confirmou acima Guilherme) para quem tem grana investida lá (ou seja no min 30k que eh o mínimo p quem n tem nada)….

        Mas sei pq fizeram isso. N foi para ajudar nem nada heheh… Ajudaria se baixassem para 3k quem n tivesse nada la heheh, mas como eh para quem tem 30k, isso foi apenas para poder oficializar o que todos fazem para por menos grana que 30k na LCA. Que era resgatar 30k da LCA, colocar o que quer e aplicar este montante imediatamente. N se perderia nada no dia, n paga IOF e etc. Logo, o que fizeram foi apenas falar: “galera n precisam fazer isso mais, deixo vcs add grana menor que 30k” hahahah..

        Na economia n há almoço gratis mesmo!! hahahaha

        • Guilherme 27 de abril de 2015 at 20:25 #

          Obrigado pessoal, é isso mesmo.

          Fiz inclusive correção no post, de forma que o valor mínimo inicial continua sendo R$ 30k.

          O que mudou foi o valor das aplicações subsequentes, que caiu para R$ 3k.

          Abç e como o David disse: não há almoço grátis – no máximo, uma sobremesa de cortesia……rsrs 😆

          • Breno 29 de abril de 2015 at 15:30 #

            você editou e explicou perfeitamente no post. A aplicação SUBSEQUENTE agora pode ser de R$3k. Mas não necessariamente a aplicação inicial precisar AINDA possuir mais de R$30k.

      • Breno 29 de abril de 2015 at 15:22 #

        Não necessariamente precisa ter mais de R$30k investidos. No momento, tenho R$28k aplicados (já tive mais de 30k, mas houve resgate automático) e, mesmo assim, está disponível para que eu aplique apenas R$3K.
        Então, acredito que basta ter uma aplicação de LCA em qualquer valor valor, sendo óbvio que tal aplicação foi, INICIALMENTE, de no mínimo R$
        30k.

        • Guilherme 29 de abril de 2015 at 15:33 #

          Sim, exemplificando, a pessoa pode ter começado com R$ 30k, resgatado R$ 29k, e ficar somente com R$ 1k de saldo, que pode fazer um novo depósito de R$ 3k em LCA, que o sistema aceitará.

          Abç!

          • Breno 6 de maio de 2015 at 14:31 #

            Putz, Guilherme.
            Acabei de descobrir, da pior forma, que não é do jeito que a gente pensava…
            A aplicação subsequente precisa, pelo menos, completar os R$30 mil na aplicação existente. Ex: tinha 30 mil e houve resgate automático de 29k, restou 1k. A aplicação mínima subsequente vai ser 29k e não de 3k.
            No meu caso, acabei fazendo outras aplicações em CDBs com prazo de resgate de 1-2 anos. Tirei dinheiro da LCA e agora a aplicação mínimo é exatamente a diferença entre o que tenho na aplicação para 30 mil, dinheiro que vou demorar pra juntar. Dancei…

            • Guilherme 7 de maio de 2015 at 18:21 #

              Oi Breno,

              Que coisa essa modificação. Pelo visto mudaram para pior…

              Abç!

    • João 12 de maio de 2015 at 22:15 #

      Aportes a d i c i o n a i s de R$ 3.000,00! Inicial é R$ 30.000,00.

  5. Vania Lacerda 27 de abril de 2015 at 16:48 #

    Aprecio muito esses seus Resumões.

  6. Max Scardua 27 de abril de 2015 at 18:08 #

    Caro;

    Realmente o Ibovespa possui correlação negativa com o PIB. Aproveitei um material gerado para a uma regrassão da disciplina de metodos quantitativos do MBA que curso e verifiquei a correlação variação do PIB (%) e Variação Ibvespa (%) medida em trimestres do 1º Trim/2004 ao 4º Trim/2014.

    A correlação Ibovespa x PIB é -0,2277

    Realmente é interessante esse fato!

    sds;

    Max

    • Guilherme 27 de abril de 2015 at 20:29 #

      Max, excelente e surpreendente essa descoberta!

      Vai contra o senso comum, e é mais uma prova de que é preciso estudar bastante para entrar no mercado de renda variável, sobretudo para evitar ser contaminado pelo efeito manada, que tanto prejuízo traz aos pequenos investidores.

      Abç!

  7. rafael 28 de abril de 2015 at 10:58 #

    Bom dia!!! Como sempre muito bom os posts!!!!!
    Poderia ajudar com alguma luz por favor……
    R$275 k em LCIs
    R$30 k em fundo de dividendos
    R$105 k em fundo multimercado (será que está muito agressivo?)
    R$75 k disponíveis para aplicação…..pensando em tesouro direto….que acha???? Em qual deles?????
    Tenho 33esse eh todo meu patrimônio……..brigando em busca de uma melhor condição nesse nosso Brasil……

    Obrigado

    Abraço!!!

    • Guilherme 28 de abril de 2015 at 16:33 #

      Rafael, Tesouro Direto é uma excelente opção. Recomendo Tesouro IPCA 2019.

      Abç!

  8. Sue Lanza 28 de abril de 2015 at 12:23 #

    Olá!

    Excelente artigo, acompanho seu blog e gosto muito! Aprendo sempre sobre vários assuntos interessantes. Parabéns!!!

    Abraço!

    • Guilherme 28 de abril de 2015 at 16:34 #

      Obrigado, Sue!

      Se tiver qualquer dúvida, não hesite em postá-la! Ela pode ajudar outros leitores também!

      Abç!

  9. Camila 28 de abril de 2015 at 15:10 #

    Olá! Também me interessei pela LCA do BB, mas no meu home banking só aparece aplicação mínima de 30k e fui na minha agência para resolver outras coisas, aproveitei para perguntar sobre esse investimento, e eles não tinham informação de que a aplicação mínima tinha baixado pra 3k.

    • Guilherme 28 de abril de 2015 at 16:44 #

      Oi Camila, na verdade, eu editei o post, pois o que mudou foi a aplicação mínima para quem já tinha feito a aplicação inicial de R$ 30k.

      Abç!

    • João 12 de maio de 2015 at 22:18 #

      Começa com 30k. Aportes adicionais de 3k. Apesar que vc pode resgatar e reaplicar com seu saldo disponível (desde que mantenha o saldo mínimo de 30 k), sem prejuízo: investimento com liquidez diária e sem IR.

  10. Ariel 30 de abril de 2015 at 13:10 #

    É quase óbvio que o IBOVESPA não representa a economia Brasileira, diferente de um índice como sp500, que é mais diversificado e tem muitos mais empresas, que representa melhor a economia do pais mais…
    Agora, eu entendo com o pib é ponderado pelo crescimento da industria, agricultura e serviços… acho que por isso não tem correlação alguma com a ponderação o ibov, que sempre foi concentrado em financeiro, Petro e vale que depende de fatores externos…

  11. Carlos Manoel Marques 1 de maio de 2015 at 18:43 #

    Guilherme,

    Quanto ao seu último parágrafo. Eu estou indo na direção contrária da qual você pretende. 🙂 Estou todo (parte que está no TD) em NTNB 2050 com cupom. Motivo: Ao longo dos últimos 20 anos os juros das NTNB’s tem caído e creio que se confirma esta tendência para a frente. Sou otimista, não? 🙂 Além disso, estou comprando para manter e não para realizar lucro quando a SELIC inverter. Falando de outra maneira, creio que daqui uns 10 anos, poderão ser parte de “minhas galinhas de ovos de ouro”. Atualmente estou com juros médios ponderados de 6,43 % o que daqui a uns dois anos me dará rentabilidade líquida de aprox. 4,76 % anuais. Creio que ainda haverão uns 2 ou 3 “cisnes negros” (até final de 2016) e poderei comprar ainda com juros maiores que os 6,43 % (minha linha de corte atual).
    Abraço fraterno e ótimo fim de semana para você e os seus! 🙂

    • Guilherme 4 de maio de 2015 at 13:34 #

      Ótima estratégia, Carlos!

      Aliás, seus juros médios estão excelentes! Difícil conseguir uma média histórica superior a 6% a.a.

      Tenha uma excelente semana! 😀

  12. Daniel 1 de maio de 2015 at 21:11 #

    Pessoal, é muito bom essa opção de poder fazer aplicações (subsequentes) no LCA do BB com apenas 3.000. Mas creio que isso seja apenas mais fácil que antes, mas essa operação já era permitida até com um valor de 1 real. Me explico, ou melhor, explico o que o gerente do bb me falou. Após chegar ao valor de 30 mil, se você por exemplo está com 1.000,00 parado na conta e quer somá-lo aos 30, basta que você retire os 30k aplicados e reaplique 31k em seguida. Pois, ao contrário da poupança, a rentabilidade do LCA é diária, assim, ao que ele me explicou, você não perderia nada em fazer isso e lhe possibilitaria fazer depósitos subsequentes de até 1 centavo rsrs. me corrijam se estiver errado. Abraços !

    • Luan 3 de maio de 2015 at 20:25 #

      Quais os requisitos devo atender, para estar enquadrado entre os clientes que
      têm acesso à oferta de LCA no BB ?

      Possuir 30k para investimento é suficiente ?

    • Guilherme 4 de maio de 2015 at 13:35 #

      Oi Daniel, é por aí mesmo.

      A vantagem da sistemática atual é que o “giro de capital” é menor.

      Abç!

    • João 12 de maio de 2015 at 22:13 #

      Você está certo e era assim que eu vinha fazendo com a minha LCA do BB.

      Agora, com um saldo de apenas R$ 22.500,00 neste investimento (meu caso), aporte mesmo só à partir de R$ 7.500,00 (completando-se o R$ 30.000,00).

      Numa simulação de investimento, o sistema exige exatamente a diferença para os R$ 30.000,00.

      Uma vez somados os R$ 30.000,00 provavelmente você pode aportar os R$ 3.000,00 informados na matéria.

      Mas diante da possibilidade de resgatar (investimento com liquidez diária e sem IR) e reinvestir, não faz muita diferença, no meu entendimento.

  13. Investidor Internacional 3 de maio de 2015 at 21:43 #

    Eu tenho dúvidas se o Tesouro Nacional terá condições de pagar os juros em 2019, que dirá em 2035?

    Acho que os CDBs/LCIs/LCAs de bancos de primeira linha são melhor opção.

    Abçs!

    • Guilherme 4 de maio de 2015 at 13:38 #

      Oi II, eu acho que conseguem sim.

      No longo prazo, eu penso inclusive que o Tesouro IPCA vai bater a SELIC, ficando atrás somente do desempenho da Bolsa.

      Abç!

  14. Ferreira 5 de maio de 2015 at 19:05 #

    Guilherme,

    eu venho aplicando em Tesouro IPCA de prazos mais longos, mas, recentemente, confesso que aproveitei as ótimas oportunidades oferecidas pelos títulos de prazo mais curto. Entretanto, o fiz de forma bastante consciente, pois, como o Carlos Manoel Marques comentou, eu também acredito que aproveitar os juros do momento em títulos de prazos mais longos seja ótima estratégia para o futuro.

    Gostaria de te pedir um post comparando a rentabilidade desse tipo de aplicação (tesouro IPCA) com as LCA-BB 90% do CDI. É possível?

    Abç!

    • Guilherme 7 de maio de 2015 at 18:19 #

      Oi Ferreira, é possível sim! Sugestão anotada.

      Abç!

  15. Antonio 13 de maio de 2015 at 18:03 #

    Oi Guilherme,
    tenho uma aplicação no CDB DI do Banco do Brasil já com o menor percentual de desconto do imposto de renda.( 15%)
    Penso em resgatar o dinheiro da aplicacão no CDB e passar para o LCA .
    É uma boa estratégia?

    Obrigado pela atenção. Abraço

    • Guilherme 13 de maio de 2015 at 18:44 #

      Sim, Antonio, excelente estratégia! Seu dinheiro irá render muito mais!

      Abç!

      • Antonio 13 de maio de 2015 at 19:37 #

        Valeu, Guilherme!

        Abração!

  16. Antonio Geilson 20 de maio de 2015 at 16:35 #

    Pretendo investir 40 mil. Estou em duvida entre o CDB e LCA, e quero deixar por uns 3 anos. Qual seria o melhor investimento?

    • Guilherme 20 de maio de 2015 at 20:10 #

      Antonio, LCA, porque rende mais, haja vista que não paga IR.

  17. Antonio 31 de maio de 2015 at 20:07 #

    Boa noite Guilherme,
    Houve alguma alteração quanto a regras do resgate do LCA no BB?
    Para quem tem valor aplicado com liquidez diária houve alguma mudança?
    Isto porque estou para adquirir um imóvel e vou resgatar.
    Você acha que tenho motivos para me preocupar?

    • Breno 31 de maio de 2015 at 20:12 #

      Desculpe intrometer, mas a regra de 90 dias de liquidez vai vale apenas para quem aplicou a partir de 28 ou 29 de maio de 2015 (nao lembro exatamente, mas quinta ou sexta passadas).
      Para quem já tinha aplicação (seu caso), não precisa se preocupar, poderá resgatar com a liquidez diária estipulada no momento em que você aplicou.

      • Guilherme 31 de maio de 2015 at 20:33 #

        Obrigado, Breno, pela excelente resposta dada ao Antônio! 😀

        Abç!

        • Antonio 31 de maio de 2015 at 20:42 #

          Valeu Breno!
          Valeu Guilherme!
          Boa noite e ótima semana para vocês.
          Abraço,

  18. Carlos 13 de junho de 2015 at 19:00 #

    Valeu! Ótimas informações

  19. Marlon 15 de junho de 2015 at 12:48 #

    Guilherme, me dá uma dica. Estou com cerca de 20k na LCI do BB a 80% e com outros 20k disponíveis. Qual a melhor a opção: juntar tudo e aplicar na LCA do BB, que tem 84% do CDI? Investir mais na LCI? Ou algum outro investimento? Queria deixar investido por uns dois anos, pelo menos, mas não me sobraria muito pra emergências…

    • Guilherme 15 de junho de 2015 at 14:48 #

      Marlon, recomendo deixar R$ 30k na LCA do BB, e mais R$ 10k no Tesouro SELIC, para deixar pelo menos uma parte na reserva de emergências.

      Abç!

      • Guibro 2 de julho de 2015 at 14:53 #

        Opa, me ajuda nesse assunto também? Eu tô usando um fundo referenciado DI horrível do BB (2% de taxa de administração) como reserva de emergência, porque o que eu tenho em LCI ainda está dentro da carência de 90 dias. Você acha que o Tesouro SELIC serve melhor pra reserva de emergência? Não tem resgate automático, né?

        • Guilherme 2 de julho de 2015 at 15:33 #

          Oi Guibro!

          Acho sim que você estará melhor servido com o Tesouro SELIC.

          Apesar de não ter resgate automático, tem liquidez diária, e, o que é mais importante, rende mais que o Fundo DI a 2% de taxa de administração.

          O Tesouro SELIC é o que te serve mais, também para reserva de emergência.

          Aliás, eu deixei de aplicar na LCA do BB, e estou apostando minhas fichas agora no Tesouro SELIC.

          • Guibro 2 de julho de 2015 at 15:38 #

            Top! Valeu!

  20. Diego Souza 4 de julho de 2015 at 18:32 #

    Caro Guilherme!

    Fiz uma aplicação na LCA o percentual de cdi imposto foi de 83% e não de 84% como mencionado no artigo! Então porque foi evidenciado esse valor de 84% de cdi no artigo?

    Abraços

    • Guilherme 5 de julho de 2015 at 11:10 #

      Olá Diego!

      Essa mudança do DI foi realizada depois que o artigo foi escrito!

      Abç!

  21. Beto 9 de julho de 2015 at 12:05 #

    GUILHERME:

    EU TENHO UMA QUANTIA QUE paga 84,25%. eu quero colocar mais um pouco..preciso retirar tudo e aplicar o valor maior, ou posso aplicar mais um pouco? vai render 84 ou 84,25 pois o valor e menor do que a regra..

    • Guilherme 10 de julho de 2015 at 10:01 #

      Beto, depende do ticket mínimo que eles exigem. Se ele for maior do que o montante adicional que você quer aplicar, você terá que retirar a quantia que, somado ao que você pretende investir, perfaça o valor mínimo.

      Abç

  22. Marcelo Cesar 24 de julho de 2015 at 11:43 #

    O que vale mais a pena, um CDB a 100% do CDI ou um LCI a 84% do CDI? (o prazo é acima de 720 dias)

Deixe uma resposta

Powered by WordPress. Designed by Woo Themes