Um pequeno grande pensamento [by Rosana]

A leitora Rosana me enviou um “pequeno grande pensamento” que faço questão de compartilhar com todos os leitores do blog:

“Status é comprar coisas que você não quer, com o dinheiro que você não tem, a fim de mostrar para gente que você não gosta, uma pessoa que você não é”.

É isso aí!

Um grande abraço, que Deus os abençoe, e, como diz o nosso colega de labuta Mauro Halfeld, “até que enfim é sexta-feira! Não deixem de aproveitar o final de semana… com a sua família!”

*Créditos da imagem: Free Digital Photos

Print Friendly, PDF & Email

15 Responses to Um pequeno grande pensamento [by Rosana]

  1. Diogo Costa 20 de julho de 2012 at 12:50 #

    Excelente pensamento! Também compartilho dessa mesma opinião sobre Status, infelizmente a sociedade atual conseguiu deturpar os valores essenciais, em nome da ostentação e para mostrar ser melhor que os outros, com isso muitas famílias estão se endividando, o que é muito triste para uma nação como o Brasil que tinha tudo para ter uma excelente taxa de poupança sobre o PIB, além de uma melhor qualidade de vida com mais educação, segurança e saúde. Abraços, e um ótimo fim de semana para todos do site.

  2. Rosana 20 de julho de 2012 at 13:31 #

    Fiquei feliz em ver que postou aqui!
    Abraços,
    Rosana

    • Guilherme 22 de julho de 2012 at 12:05 #

      E eu mais feliz ainda pela indicação, Rosana!

  3. Rafael Slonik 20 de julho de 2012 at 15:30 #

    É o plot do Clube da Luta!

    “Advertising has us chasing cars and clothes, working jobs we hate so we can buy shit we don’t need.”

    Link relacionado ao assunto:
    http://papodehomem.com.br/o-seculo-em-que-venderemos-o-que-as-pessoas-realmente-precisam-e-nao-o-que-elas-apenas-querem/

    No final do post tem um documentário ótimo da BBC sobre o homem que implantou o consumismo na america. Recomendo!

  4. Além da poupança 21 de julho de 2012 at 8:11 #

    Excelente frase. Disse tudo!

    Abraços

  5. Jônatas R. Silva 22 de julho de 2012 at 23:13 #

    Gui,
    A frase é ótima, tomara que sirva para sensibilizar as pessoas!

    Abraço.

    • Guilherme 4 de agosto de 2012 at 13:44 #

      Obrigado, Jô, certamente irá sensibilizar as pessoas!

      É isso aí!
      Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

  6. Rosana 24 de julho de 2012 at 20:44 #

    Rafael e Seitti

    Gostei muito dos links!

    Se eu já questionava muito o meu (pouco)consumo, após essa excelente leitura, prestarei muito mais atenção quando achar que preciso comprar algo.

    Chega um momento em nossas vidas, em que começamos a perceber que muitas vezes “menos é mais”.

    Gostaria também de deixar um link, aqui do Valores Reais:

    http://valoresreais.com/2010/02/01/resenha-dinheiro-e-vida-de-joe-dominguez-e-vicki-robin/

    Abraços,

    • Guilherme 4 de agosto de 2012 at 13:46 #

      Exatamente, Rosana!

      Gostei muito da sua frase: “menos é mais”. 🙂

      E grato pelo link do livro “Dinheiro e Vida”. Sem dúvida, o melhor livro de finanças pessoais que já li, e um dos que mais influenciam os valores que regem esse blog. 😀

      É isso aí!
      Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

  7. Leonel 16 de agosto de 2012 at 11:41 #

    Eu já conhecia uma frase semelhante, mas prefiria trocar a parte que diz “coisas que você não quer” por “coisas que você NÃO PRECISA”, pois entendo que uma pessoa ao comprar uma coisa boa (e cara) não necessariamente ela não quer aquilo, e não há nada de ilícito em desejar muitas delas. O que é preciso analisar é se realmente precisamos daquilo, como diz a letra do U2, “o que você não tem, você não precisa agora”.

Deixe uma resposta

Powered by WordPress. Designed by Woo Themes