Cadê a isenção da tarifa de custódia – os famigerados R$ 6,90 mensais – que a BM&F Bovespa prometeu para agosto?

No artigo isenção da tarifa de custódia – os famigerados R$ 6,90 mensais – da BM&F Bovespa em breve, para pequenos investidores, noticiamos, com satisfação, a pretensão da BM&F Bovespa de extinguir, em agosto, a cobrança da tarifa de custódia mensal (R$ 6,90) para pequenos investidores.

Pois bem, passou-se agosto, e… cadê a isenção? Aliás, cadê a nova política de tarifas? Não seria ela anunciada em agosto?

Fiz uma pesquisa no Google, mas não achei nada sobre essa nova política de tarifas. Edito esse post caso eu esteja equivocado.

Só tenho uma coisa a dizer: lamentável essa postura da Bolsa. Parece político: promete mas não cumpre… 🙁

É isso aí!

Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

Print Friendly, PDF & Email

,

11 Responses to Cadê a isenção da tarifa de custódia – os famigerados R$ 6,90 mensais – que a BM&F Bovespa prometeu para agosto?

  1. MJC 1 de setembro de 2011 at 14:44 #

    Pelo menos a Octo já não repassa mais a tarifa, caso 1 operação por mês seja feita.

    Guilherme, se não me engano, você já comentou aqui sobre o iConta. Esses dias estava vagando pela Internet e descobri um tal de BB Conta Digital e me parece que ele é muito semelhante ao iConta. Acho que vale um post sobre esse tipo de serviço… Vou pesquisar sobre esse assunto, se for o caso vou abrir uma conta lá só pra fazer DOC/TED e diminuir os custos de transação. Isso para mim facilitaria bastante, possibilitando que eu pudesse ter conta em corretoras diferentes (uma para comprar ações, outra pra tesouro direto) de forma a minimizar ainda mais os custos*.

    * hoje estou na Octo, onde compro TD e papéis de RV. Com esse esquema de DOC/TED gratuito, daria pra eu começar a comprar tesouro direto em uma Banif da vida, com corretagem 0.

  2. Gustavo 1 de setembro de 2011 at 17:32 #

    Já ta na hora de a Bovespa acabar mesmo com a tarifa de custódia!! Demorou Bovespa!!

  3. Gisely Chessed 1 de setembro de 2011 at 18:41 #

    Guilherme!
    Dei uma entrevista para a revista da Bolsa, com o Programa Fica Mais. Você é o Guilherme da matéria? Se for, é muita coincidência!

  4. Guilherme 2 de setembro de 2011 at 18:07 #

    MJC, bem observado sobre a Conta Digital. O Jônatas escreveu sobre isso um tempo atrás: http://www.efetividade.blog.br/2011/07/11/conta-corrente-digital-do-banco-do-brasil-taxa-zero-inclusive-no-docted-ah-o-itau-tambem-tem-a-sua/ pretendo abordar esse tema aqui no blog também, aproveitando esse excelente texto.

    Gustavo, demorou mesmo!

    Gisely, sumida, menina!? rsrs….. 😀 Apareça mais vezes! Sentimos falta de seus comentários sempre pertinentes aqui no blog!

    É isso aí!
    Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

  5. Gilbert 27 de julho de 2012 at 4:13 #

    Só uma coisa poderá curar essa desfaçatez da Bmf-Bovespa: o fim do seu abjeto monopólio. Que venham logo a Direct Edge e a Bats operar no Brasil! O povo agradece.

  6. Rosana 9 de fevereiro de 2015 at 14:16 #

    Guilherme,

    Essa taxa foi extinta ou ainda não?

    Em minha pesquisa, verifiquei que várias corretoras continuam cobrando 6,90. Na época em que a Rico passou a cobrar 9,80 eu achei que seria o preço de mercado das corretoras de custo mais baixo, mas agora vi que elas continuam com preços menores. No site da Easyinvest está escrito que há isenção total da taxa de custódia. Se isso for verdade mesmo, até para quem não faz operações mensais, , mudarei para ela então.
    Encontrei um site excelente para comparações entre corretoras, que facilitou muito o meu trabalho e consta nos Links do Valores Reais. ): http://www.bussoladoinvestidor.com.br/guia_corretoras/

    Abraços!

    • Guilherme 9 de fevereiro de 2015 at 14:35 #

      Oi Rosana,

      Essa taxa ainda não foi extinta. O que ocorre é que algumas corretoras não repassam esse custo para o cliente.

      Gostei do link indicado! Bem completo!

      Abç!

      • Rosana 9 de fevereiro de 2015 at 16:23 #

        Agradeço por sua resposta, Guilherme. 🙂

        Vi que a Directal Invest se uniu à Rico desde o ano passado. Por ser uma corretora maior agora, os custos para os investidores deveriam ser menores e não maiores, não acha?

        Link da reportagem:
        http://www.infomoney.com.br/mercados/acoes-e-indices/noticia/3443087/rico-directainvest-anunciam-fusao-que-criara-maior-corretora-independente-bolsa

        Abraços,

        • Guilherme 9 de fevereiro de 2015 at 17:14 #

          Concordo, Rosana. Essa fusão de corretoras acaba trazendo mais notícias ruins do que boas para os investidores pessoa física, no final das contas.

          Ainda bem que existe um certo grau de competitividade no mercado de corretoras, o que nos dá um leque de opções, ainda que mínimo.

          Abç

          • Rosana 12 de fevereiro de 2015 at 11:25 #

            “Ainda bem que existe um certo grau de competitividade no mercado de corretoras, o que nos dá um leque de opções, ainda que mínimo.”
            Ainda bem mesmo, Guilherme.
            Talvez essas fusões sejam convenientes para pessoas jurídicas, mas para nós…

            Agradeço por sua resposta.

            Abraços,

            • Guilherme 12 de fevereiro de 2015 at 13:18 #

              Realmente, para nós os benefícios são muito poucos.

              Abç!

Deixe uma resposta

Powered by WordPress. Designed by Woo Themes