Promessa #3 p/ 2011: não pagar anuidade de cartão de crédito

Eu marquei bobeira nesse ano. As anuidades sempre vêm na fatura do cartão sem pedir sua licença. Elas aparecem de repente. E, quando vêm, você tem duas atitudes: ou aceita passivamente essa cobrança, ou parte para negociação com o 0800. E, se você optar por essa segunda opção, você jamais, nunca, evar, deve demonstrar dependência do cartão. Quem deve demonstrar controle da situação é você. E isso se faz sendo persuasivo o suficiente para demonstrar que o cartão é dispensável. Afinal, com tantos cartões disponíveis no mercado, para quê ficar dependente de um só, de uma determinada bandeira, de um determinado banco?

Eu tenho um cartão cuja primeira parcela veio sendo cobrada na fatura, sem pedir licença, lá por meados desse ano. Valor: R$ 100. Detalhe: era a parcela 1/3.  Indignado, eu resolvi ligar para o 0800. Falei que queria negociar o valor da anuidade. E esse foi o primeiro erro. Eu devia ter falado que queria cancelar o cartão. Ao falar que queria negociar a anuidade, implicitamente, eu estava dizendo que o cartão era indispensável, era importante para mim.

Pois bem, após alguns minutos de idas e vindas, consegui o desconto. De R$ 300 para R$ 90. Vendo um desconto de 70%, eu logo aceitei a proposta. E esse foi o segundo erro: aceitar logo a primeira proposta que me foi oferecida. Eu deveria ter recusado. Deveria ter falado que o valor estava ainda muito alto (e de fato estava), afinal, eu utilizava o referido cartão regularmente (ainda que não todo mês), e deveria ter forçado uma segunda rodada de negociações.

Na verdade, eu deveria ter insistido até o fim para conseguir a isenção total. Por quê? Ora, porque a anuidade é uma daquelas despesas totalmente inúteis que não agregam valor ao que você usa. Não existe uma contraprestação pelos serviços prestados. Os bancos emissores de cartões de crédito já ganham dinheiro suficiente com a utilização normal do cartão para compras, com os juros dos esdrúxulos créditos rotativos, com as tarifas de saque etc. Não há razão para você pagar anuidade.

“Aaahhh, mas o cartão é muito importante para mim…”

Esse é o problema. De duas, uma. Se você utiliza bastante o cartão de crédito, deve ter direito a uma compensação, que é exatamente a isenção total dessa tarifa. Os operadores da central de atendimento sabem que, se você é bom gastador, e ameaça cancelar o cartão, fatalmente você irá continuar sendo um bom gastador, mas mudará para outro cartão de outro banco. A isenção de anuidade é um direito seu.

Já se você utiliza pouco o cartão de crédito, e ainda assim cobram anuidade, alegando que você utiliza pouco o cartão, então isso significa que o cartão é dispensável. Cancele-o e, se precisar porventura de algum outro, contrate outro em que haja isenção de anuidade. Simples assim.

Repito: se você utiliza pouco o cartão de crédito, e for cobrada anuidade, é melhor cancelá-lo e concentrar seus gastos em outro cartão, em que haja isenção de anuidade.

Conclusão: quando você for negociar a isenção de anuidade, você deve ser firme. Não deve titubear. Se você usa bastante o cartão, tem direito à isenção. Se não usa bastante o cartão, cancele-o e contrate outro em que haja isenção de anuidade. O importante é você demonstrar que o cartão de crédito é uma peça dispensável, e expor esse poder de persuasão na hora de negociar a isenção. Porque tarifa de anuidade de cartão, essa, ninguém merece.

É isso aí!

Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

Print Friendly, PDF & Email

20 Responses to Promessa #3 p/ 2011: não pagar anuidade de cartão de crédito

  1. Gisely Chessed 22 de dezembro de 2010 at 7:06 #

    Há muito tempo que eu não pago anuidade e isso aconteceu justamente quando eu fui cancelar um cartão que eu recebí sem pedir, de outra bandeira. Cancelei o anterior (não me ofereceram nenhum desconto) e fiquei com esse, mas foi puro golpe de sorte.

  2. Jônatas 22 de dezembro de 2010 at 8:41 #

    Guilherme,

    Meu lem é não pagar anuidade de cartões e nem manutenção mensal de conta corrente. Eles precisam de mim e não eu deles. Eles que deveriam me pagar para eu ser cliente, detalhe, bom cliente.

    Abraço!

  3. Henrique Carvalho 22 de dezembro de 2010 at 8:55 #

    Também não pago anuidade no cartão! Vida boa! hehe

    Abraços!

  4. luiz 22 de dezembro de 2010 at 9:06 #

    Eu e minha esposa também temos cartão de crédito com anuidade grátis.

    Mas optamos por adquirir um que tem anuidade de 300 reais, mas converte o $ gasto em milhas com uma taxa bem melhor. O resultado disso é que temos direito a duas passagens a mais por ano do que o normal. Como viajamos muito e pelo menos menos 1 vez por ano vamos para lugares cuja passagem é meio cara, usamos as milhas para gastar nessas passagens na faixa dos 600 reais (antes desse cartão as milhas não cobriam toda essa passagem).

    No final das contas não temos mais que comprar passagens caras. O fato é que, nesse caso, valeu a pena. Mas normalmente não é o caso, então tem que fazer as contas direitinho, como tudo na vida.

  5. Evertonric 22 de dezembro de 2010 at 10:42 #

    Caraca meu , vejo que só eu pago anuidade, R$70.00 (em 3x) rsrsrsss, o problema é que tenho esse cartão por anos (mais precisamente 8 anos), e o limite é alto, não gostaria de ter que começar tudo de novo com uma nova bandeira, apesar que quase nunca faço uso fruto deste limite.
    .
    Ai fica a dúvida, cancelar ou não ???
    .
    Abraços

  6. Willy Fog 22 de dezembro de 2010 at 12:02 #

    Boa Guilherme!
    .
    Parece que somente eu e o Evertonric pagamos esta nhaca de anuidade do cartão. Tenho CC do BB bandeira VISA e tempos atrás quando usava pouco o CC liguei ameaçando cancelar o CC com o intuito de conseguir algum desconto, no entanto a atendente não “engoliu a isca” e já foi logo cancelando o CC quando então eu tive que “recuar”. Me disse que para conseguir algum desconto teria que conseguir tantos X pontos no programa de relac. do BB. Esse ano já era, o tal desconto vai ter que ficar para o ano quem vem mesmo. 😈
    .
    Abcs

  7. Flavio 22 de dezembro de 2010 at 14:28 #

    Eu nunca pago anuidade. Só ano passado que eu dei bobeira e acabei pagando a do Itaucard, por descuido mesmo.
    Neste ano eles vieram com essa de “João-sem-braço” colocando o valor na fatura e eu liguei pra lá. Nem ameacei cancelar o cartão, só disse que eu tinha o cartão desde 2001, que o usava bastante e que tenho outros 3 cartões do BB pros quais nunca paguei um centavo de anuidade. A atendente pediu 1min para conversar com o supervisor e ver se podia me dar um desconto. Logo depois voltou com um desconto de 100%…
    A operadora do cartão já ganha de 3 a 5% pra cada compra que você faz, em cima do lojista. Querer ganhar também em cima do dono do cartão é o cúmulo. Mas felizmente existe alguma concorrência nesse mercado e sempre dá para pular (ou ameaçar pular 🙂 para um cartão mais barato.

  8. Finanças Inteligentes 22 de dezembro de 2010 at 14:30 #

    Eu nunca paguei anuidade.
    E se inventarem de cobrar qualquer tarifa cancelo na hora…

    Abcs,

  9. Erico 22 de dezembro de 2010 at 15:07 #

    Tem cartoes com unidade gratis pro resto da vida!
    Unico problema eh que esses cartoes pagam poucas milhas e geralmente o pessoal que usa cartao de credito usa pra ter milhas!

    Eu nao sou fa de credito e ate hj nao tenho cartao de credito ! Detesto esse tipo de envolvimento, ter que pedir por favor para nao cobrarem! Puta falta de consideracao com o cliente! rs rs

    abss

  10. Pablo Carvalho 22 de dezembro de 2010 at 15:46 #

    Não sou a favor de negociar anuidade do cartão até pq terá que fazer isso todo ano e é o maior aborrecimento…

    Aqui vai uma dica para o Willy Fog e quem mais tenha cartao do BB e nao quer perder o limite alto que ja possui: Faça um cartão VISA INTERNACIONAL da Petrobras! Ele tem ANUIDADE ZERO PARA SEMPRE (Independente da frequencia de uso), paga 1 ponto para cada dolar gasto e ainda paga o dobre de pontos se for em postos BR e BRMania e vc ainda pode trocar os pontos do cartao por desconto na fatura (R$ 0,025 para cada ponto), ao inves de resgatar com os premios fracos oferecidos pelos cartoes…

    Ah, aonde entre o BB nessa historia? Os cartoes VISA PETROBRAS são administrados pelo BB, e como o BB usa limite compartilhado, automaticamente vc tera em seu cartao BR o limite de seu cartao ourocard :D. Depois de aprovado, faça como eu, cancele seu ouro card mercenario 😀

    No meu caso, concentro todas minhas contas no cartao BR, só abasteço nos postos BR e resgato cerca de R$ 150 por ano.

    Ah, se é de SP, não se esqueça e pedir a NFP 😀

  11. Eduardo 22 de dezembro de 2010 at 16:31 #

    O valor da anuidade (ou dificuldade em ser isento dela) é proporcional aos benefícios que o cartão oferece. O principal benefício para mim são os pontos/milhas aéreas, e acho que é assim para quase todo mundo hoje em dia. Por isso eu quero sempre o melhor cartão que eu consiga ter. Hoje tenho o BB ourocard visa/master inflinite/black e minha mulher tem o bb smiles platinum que pagam 2 pontos por US$ gasto. Dão milhas pra caramba. Muito bom tê-los. Antes de ter esse cartão eu tinha (ainda tenho inativo) o real platinum que paga 1,5 pontos por US$ na fatura.
    Até aí só alegria. Só que anuidade desses cartões são muito caras (450 o black/infinite e 350 o smiles platinum). A anuidade do visa/black eu só consegui 25% de desconto na negociação. A do banco real platinum eu sou isento. Como eu tenho uma média de 3k de gastos mensal não valia a pena pagar a anuidade do cartão top pq ela não se pagava em pontos, se a proporção 10000 milhas:R$ 400 e o cambio atual forem considerados.
    Então decidi cancelar o cartão do BB. TRansferi os pontos pro smiles (isso é importante!) e pedi pra cancelar. Depois de muita enrolação, várias ligações e empurra-empurra, no momento crucial, quando eu já tinha pedido pra mostrarem as cartas o atendente veio com uma tal ” carencia” de 6 meses para pagar a anuidade. Devolvem a grana já paga das parcelas e daqui 6 meses passam a cobrar de novo. Não era bem o que eu queria mas já foi alguma coisa. Meu pai tem esse cartão e por ser um senhor de idade e muitos anos no azul guardados no banco, não paga anuidade, melhor, o valor é devolvido pela agência. Pra mim isso não rola, então eu tenho que ficar no cabo de guerra.
    Já o bb smiles platinum da minha esposa parece que é mais difícil de conseguir isenção, mas isso é só achismo por enquanto. Como com a anuidade de 348 ela conseguiu 10000 pontos de bonus, acho que valeu a pena. Só que ano que vem não tem essa mamata. Quando chegar a gente vai ver oq faz.

  12. Eduardo 22 de dezembro de 2010 at 16:40 #

    Alguém já tentou cancelar e pedir de novo o bb smiles platinum para ganhar as 10000 milhas promocionais novamente? So vale a pena pagar essa anuidade cara se for pra ganhar essas milhas.
    Vai ser uma batalha.

  13. Jean Paulo 22 de dezembro de 2010 at 17:37 #

    Tenho um Visa Platinum Bradesco. Sou isento permanente de anuidade. Tinha um gold, e por usar bastante eles me ofereceram um platinum. Pensei em não ficar pela alta anuidade, mas depois me disseram que era permanentemente isento. Não possuo grandes investimentos no banco, somente uso bastante o cartão. Acredito ser o Bradesco, (bancos privados), mais fácil de conquistar estes cartões, e com um pouco de insistência alguns descontos a mais. Fui na minha agência pedir um desconto na tarifa bancária. Me disseram que não poderiam dar desconto, mas que iriam analisar, e provavelmente dar 6 meses de isenção. Acho que devemos pleitear descontos nos bancos, pois não teriam razão de ser se não fosse por nós, clientes.

  14. Vida Boa Investimentos 22 de dezembro de 2010 at 20:21 #

    Concordo Gui. Anuidade de cartão só é boa para quem tem açōes de bancos!!!

  15. Marcos 22 de dezembro de 2010 at 22:27 #

    Acabei de receber uma proposta do TAM Itaucard Gold. Anuidade com 50% de desconto e sai por 3 x R$33,33 = R$ 99,99. Acho que vale a pena, visto que você ganha 10.000 milhas e ainda pontua 1,33 em cada dólar gasto. Na minha opinião só compensa pagar anuidade nesses casos. Eu tinha o BR que você não paga anuidade, em compensação, toda vez que você transfere a pontuação para o seu TAM Fidelidade, eles simplesmente cortam a metade. Ou seja, você passou o ano todo pra conseguir 10.000 pontos, quando você transfere, só vão 5.000. E eu ainda fiquei na dúvida quanto a esse procedimento e fui conferir no contrato. E tá lá bem especificado, só vai a metade MESMO.

  16. Alan 24 de dezembro de 2010 at 0:51 #

    Se alguém usa determinado cartão de crédito para acumular milhas, então está fazendo algo errado.

  17. Guilherme 3 de janeiro de 2011 at 22:02 #

    Nossa, ótimos comentários e um alto nível de debate! Obrigado a todos pela participação!

    É isso aí!
    Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

  18. Zeca 20 de janeiro de 2011 at 22:15 #

    Nossa, como a anuidade de vocês é alta. Eu pago $48,00 divididos em 6x.

  19. Antonio 27 de fevereiro de 2012 at 16:37 #

    Sei que o post é antigo, mas acho q vale a pena complementar: O BB tb administra o cartão da Saraiva, que tb é permanentemente isento de anuidade e tb gera 1 ponto por dólar gasto. Além do mais, os gastos tb pontuam no programa Saraiva Plus, que dá descontos na Saraiva e tb acumula milhas pro TAM Fidelidade (APENAS PRA TAM, não serve pra Smiles), mas não perde 50% dos pontos na transferência, já transferi pontos dele pra TAM duas vezes e sempre foram TODOS os pontos!

  20. adriano 5 de março de 2012 at 10:56 #

    Tem cartoes com unidade gratis pro resto da vida!
    Unico problema eh que esses cartoes pagam poucas milhas e geralmente o pessoal que usa cartao de credito usa pra ter milhas!

    Eu nao sou fa de credito e ate hj nao tenho cartao de credito ! Detesto esse tipo de envolvimento, ter que pedir por favor para nao cobrarem! Puta falta de consideracao com o cliente! rs rs

    abss

Deixe uma resposta

Powered by WordPress. Designed by Woo Themes