Banco do Brasil (BB) muda para pior programa de relacionamento

Será que algum dia irei elogiar um banco nesse País!!?? 😛

Os programas de relacionamento dos bancos funcionam como uma via de mão dupla: você, cliente, usa os produtos e serviços do banco, tais como cartão de crédito, poupança, investimentos, seguro, home banking, 0800, e, em troca, pode receber redução/isenção na mensalidade do pacote de serviços, e redução das taxas de juros de cheque especial e crédito rotativo (benefícios censurados porque os inteligentes leitores desse blog não usam essas muquiranas :D). Para o banco, obviamente é bom porque fideliza o cliente, o que significa lucros líquidos maiores, principalmente com taxas de administração de fundos careiros e títulos de capitalização, empréstimos e outras esquisitices.

A minha tática para amenizar a mordida das tarifas bancárias é simples: usar o máximo possível os serviços não financeiros que pontuam. Por exemplo: utilização do home banking, saque no caixa eletrônico e outros semelhantes. O problema é que, aos poucos, estão eliminando, da tabela de pontuação, esse tipo de serviço.

É o que ocorreu (again!) com o Banco do Brasil. Confiram:

Fonte: Banco do Brasil

Para quem investe em ações individuais, existia um pequeno “atalho” para conseguir descontos no pacote de serviços. É que o BB computava a posse de ações do banco (BBAS3), ainda que custodiadas em outra corretora, para o ganho de benefícios. Por exemplo, 30 ações equivaliam a 1 ponto no programa. Como, com 101 pontos, o cliente consegue isenção total da mensalidade (150 pontos no caso do segmento Estilo), com 3.030 ações BBAS3 poder-se-ia conseguir o desconto de 100%. A partir do ano que vem, isso não será mais possível.

Depender de serviço de banco é, em muitos casos, triste. Na segunda-feira dessa semana, por exemplo, estava impossível acessar o home banking do BB. Caramba, a Internet serve justamente para que não precisemos ir até a agência bancária (e suas intermináveis filas), e, quando mais precisamos do home banking, ele deixa de funcionar?

É por essas e outras que devemos sempre procurar economizar no uso dos serviços bancários, seja para gerenciar nossos investimentos, seja utilizando a própria Conta de Serviços Essenciais.

É isso aí!

Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

Print Friendly, PDF & Email

23 Responses to Banco do Brasil (BB) muda para pior programa de relacionamento

  1. Gisely Chessed 10 de dezembro de 2010 at 0:39 #

    Eu acho muito cômico sempre que vejo alguma rasura em um ítem do post descrito como crédito/dívida, fundos caros, de acordo com os leitores desse blog, financeiramente inteligentes!
    Sou cliente do Itaú e os pontinhos também são sofridos…

  2. Jônatas 10 de dezembro de 2010 at 8:33 #

    Oi Guilherme,

    Realmente na segunda, realizar alguma transação via HB no BB foi impossível. Tenho no BB uma conta essencial e não pago tarifas.
    Tenho conta também no Santander e não pago tarifas. Tenho direito a um DOC/TED mensal. Estou contente com eles, mas acredito ser mais um bom relacionamento que tenho com minha gerente do que o banco em si. Na minha visão o diferencial está no funcionário e não na instituição, seja ela qual for, neste caso, a bancária.

    Agora pagar menos no pacote de serviços é simples, basta ir até a agência e pedir para cancelar a conta. Rapidinho o gerente aparece oferecendo mil e uma vantagens para você continuar cliente.

    Abraço!

  3. * 10 de dezembro de 2010 at 9:19 #

    Cara, odeio o BB. Tive conta no Real e também não presta. O pior é que os outros devem ser tão ruins quanto…
    Um dia fui a uma agência e, antes de executar a operação, precisava confirmar umas informações. Estava demorando tanto que resolvi ligar para a agência em que estava. Consegui as informações.

  4. Julian 10 de dezembro de 2010 at 9:19 #

    Olá Guilherme.

    Temos conta no BB, Real (agora Santander) e Caixa.

    Vou lhe dizer, se no BB já é ruim não tenho como qualificar a Caixa, mas pense em um banco onde não se resolve nada por telefone (seja no atendimento ou ligando para o gerente) e o home banking funciona quando quer…. é lamentável e não vemos a hora de encerrar nossa conta.

    []s
    Julian

  5. Willy Fog 10 de dezembro de 2010 at 9:24 #

    Isso aí Guilherme
    .
    Tá cada vez mais difícil conseguir os pontos no programa de relacionamentos do banco. Também sofri para acessar o HB do BB na segunda-feira, parece que o banco esqueceu de investir em TI.
    .
    Abcs

  6. Finanças Inteligentes 10 de dezembro de 2010 at 10:38 #

    Não aconselho ninguém a operar com banco público, mesmo porque nos tempos de greves são eles que fecham primeiro, os funcionários são concursados, etc…
    Aliás eu corro de qualquer empresa que tem o “dedo” do governo no meio.

    Abcs,

  7. David 10 de dezembro de 2010 at 12:22 #

    Já tive conta no BB, e não tenho mais. Hoje em dia uso o Itaú e o Bradesco, o Itaú sendo meu preferido.

  8. Guilherme 10 de dezembro de 2010 at 14:05 #

    Gisely, kkkk….valeu!

    Jônatas, gostei dessa tática do cancelamento!

    *, impressionante o seu relato. *-*

    Julian, esse deve ser um dos momentos mais felizes da vida de qualquer pessoa: encerra a conta de um banco onde os serviços não funcionam. 😛

    Willy, e eles esqueceram mesmo!

    F.I., eu também fujo desse “dedo”…..rs

    David, os bancos privados em geral oferecem melhor atendimento (em geral). Viva a concorrência!

    É isso aí!
    Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

  9. José Messias Ruggieri 10 de dezembro de 2010 at 14:30 #

    Olá Guilherme,

    Realmente é uma pena, infelizmente está cada vez mais díficil mesmo pontuar nesses programas. Como sou correntista do BB já tava sabendo dessa mudança. Fazer o que. Já tive conta no Bradesco, Itau e BB. E para falar a verdade o que mais gosto é o BB. Gosto e gosto, porque com relação a beneficios acho que é tudo a mesma coisa!

    Só não concordo muito com o que o colega Finanças Inteligentes disse e você concordou ao dizer que corre de empresas que tem o “dedo” do governo. Afinal, ao menos na minha opinião, a melhor e maior empresa do pais, a Petrobrás, tem dedo do governo, e se existe uma ação que confio é essa.

    Grande Abraço.

  10. RolandoLero 11 de dezembro de 2010 at 9:38 #

    Ainda bem que uma conta de serviços essenciais resolve todos os meus problemas, e não me preocupo com tarifas mensais.

    Só por curiosidade: notaram o que se ganha a cada 3 anos (1.095 dias ou 26.280 horas ou 1.576.800 minutos ou 94.608.000 segundos) de conta? ………… 1 (hum) mísero pontinho.

  11. Guilherme 12 de dezembro de 2010 at 14:48 #

    José Messias, ter ações individuais de empresas controladas pelo Poder Público adicional o risco político à carteira, além dos já tradicionais riscos de mercado, riscos da empresa e riscos do setor. A menos que haja uma carteira bem diversificada, com papéis de muitos outros setores e empresas, não recomendo uma concentração de investimentos em empresas controladas pelo Poder Público, pois o risco político aumenta o grau de volatilidade da carteira, sem que haja uma compensação (= maior rentabilidade), pela assunção desse risco.

    Rolando, e olha que antes era melhor: 1 ponto para cada 1 ano. Daqui a pouco esse benefício vai sumir também…

    É isso aí!
    Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

  12. Evertonric 12 de dezembro de 2010 at 15:30 #

    Olá Guilherme.

    Tenho conta na CAIXA, mas esta ruim pra ser bem atendido na agencia , por isso uso muito o Banking Online, e estava pensando seriamente em abrir uma conta em outro banco , mas pelo jeito não vai ser no BB, pelos comentários acima, amigo, ta dificil ehem…rsrsrsss
    Forte Abraço

  13. Guilherme 12 de dezembro de 2010 at 20:11 #

    Everton, realmente o BB complica com coisas simples…..rs

  14. Reni 15 de dezembro de 2010 at 21:38 #

    Nem sempre, meu caro, nem sempre.

  15. Carlos 15 de dezembro de 2010 at 22:36 #

    No Brasil de Lula e agora de Dilma, todos querem serviços gratuitos.
    Como se empresas não tivessem custos e investimentos com estrutura, segurança, tecnologia, pessoal, processamento de dados, pessoal, etc etc etc.
    Muitos se esquecem que enquanto a crise rolava solta no mundo, foram os dois bancos públicos deste país (BB e CEF) que não reduziram o crédito drasticamente, pelo contrário… Quantos e quantos clientes foram procurar crédito nos bancos privados e ouviam “nãos” nada convincentes.
    E não vamos nem falar quais são os dois bancos que mais e melhor patrocinam o esporte nacional, a exemplo dos Correios. Os títulos em profusão e o respeito adquirido pelo vôlei brasileiro começaram a ser semeados com mais força há duas décadas. Patrocínio de quem? E o atletismo brasileiro. Dá-lhe CEF.
    Agora, tem gente que ama o que vem de fora e não valoriza o que é nosso. A todos estes, meu parabéns. Vivemos numa democracia.

  16. Fernando Gama 5 de janeiro de 2011 at 16:56 #

    @*

    Eu até que gosto do Banco do Brasil. O homebanking deles é muito útil, prático e inteligente. Quase tudo integrado.

  17. Fernando Gama 5 de janeiro de 2011 at 16:58 #

    A Caixa realmente é um lixo!

    Aquilo não é um banco. É uma piada de mal gosto. Mas eu tenho que manter a conta lá até pagar meu financiamento imobiliário rsrrs! 🙁

    @Julian

  18. Fernando Gama 5 de janeiro de 2011 at 16:59 #

    Preconceito! O Banco público pode ser muito bom. Eu mesmo tenho conta no Santander e já tive no HSBC Premier e acho o BB melhor em quase todos os aspectos. 🙂

    @Finanças Inteligentes

  19. Guilherme 5 de janeiro de 2011 at 21:57 #

    Fernando, o banco público pode ser muito bom… ou muito ruim. Isso também ocorre com bancos privados. Tudo depende das experiências pessoais e circunstâncias de vida de cada pessoa.

    Para servidores públicos, em geral, os bancos públicos quase sempre surgem como a primeira opção. No entanto, sabendo garimpar, é possível encontrar atendimento decente na rede privada. Existe uma competição acirrada na iniciativa privada na busca por clientes que tenham potencial de trazer negócios para a instituição financeira.

    Mas que ninguém se iluda achando que gerente de banco é seu amigo, porque eles (gerentes) não são. São empregados de bancos. Devem primeiro atender aos interesses dos banqueiros, e depois os dos clientes. Ademais, na média, os produtos de investimentos dos bancos de varejo são muito ruins e muito caros. Aí, sim, é caso de fazer seus investimentos fora da rede bancária de varejo.

    É isso aí!
    Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

  20. Eric Willian 8 de janeiro de 2011 at 15:45 #

    Parabéns pelo post! Muito útil!

  21. Guilherme 8 de janeiro de 2011 at 16:18 #

    Obrigado, Eric!

    É isso aí!
    Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

  22. Ale 25 de junho de 2011 at 11:41 #

    Sabem qual será a próxima mudança no programa de relacionamento do BB? a poupança não irá pontuar mais nada. Pressão geral para que os clientes mudem para o CDB. Já estou pesquisando outro banco. Esse está difícil! nem pelo SAC se dignam a responder questionamentos e/ou reclamações dos clientes.

  23. Guilherme 2 de julho de 2011 at 8:47 #

    Realmente, o programa de relacionamento está cada vez mais restrito… lamentável….

    É isso aí!
    Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

Deixe uma resposta

Powered by WordPress. Designed by Woo Themes