Um componente importante para sua independência financeira: investimentos em seu aperfeiçoamento profissional

Os livros de finanças que tratam de “dicas sobre como conseguir a independência financeira” se restringem, normalmente, aos aspectos financeiros da questão. Ou seja, dão dicas de como escolher as melhores ações, da importância de diluir o risco por meio da diversificação, de saber lidar com o tempo, de ter disciplina para alcançar os objetivos etc.

Tais aspectos, sem dúvida, são importantes para que você consiga chegar no sonhado dia em que suas rendas passivas sejam suficientes para cobrir suas despesas de subsistência e de conforto.

Porém, isso não é tudo.

Existe um componente talvez ainda mais importante que isso tudo acima referido. Trata-se dos investimentos em sua própria carreira profissional. Afinal, se você investe, e investem bem, é porque consegue fazer sobrar dinheiro no final do mês, gastando menos do que ganha. E, se gasta menos do que ganha, ou você ganha muito bem, ou então você gasta muito pouco – ou as duas coisas juntas (se estiver nessa última hipótese, receba meus cumprimentos).

Normalmente, existe um limite quase intransponível em relação aos gastos. Ou seja, por mais que economizamos, sempre chegaremos a uma situação em que não poderemos cortar mais despesas – senão passaremos a viver uma vida de privações e miséria, e viver uma vida de miserável com o objetivo de acumular riqueza não passa de uma atitude irresponsável com a própria vida.

Qual é a solução? É essa: investir para aumentar as receitas. Não as receitas dos investimentos, como juros, dividendos, aluguéis etc. Estou falando das receitas ativas, daquelas provenientes do seu salário, ou seja, de sua força de trabalho. Afinal, quanto maior for o seu salário, mais “combustível” você estará fornecendo para turbinar seu plano de independência financeira. E quem não gostaria de fazê-lo? Trabalho ganho com suor e dedicação tem que ser recompensado à altura. Se você acha que está chegando ao limite em seu emprego atual, se você acha que está sendo remunerado por menos daquilo que mereceria, a solução, meu amigo, minha amiga, é uma só: vá para outro lugar. Conquiste seu espaço. O espaço que esteja à altura de suas habilidades. De suas capacidades.

E, para conseguir tal feito, é absolutamente indispensável que você invista no seu aprimoramento profissional. Seu cargo público não está pagando uma remuneração condizente com aquilo que gostaria? Estude para um novo concurso. Seu emprego na empresa não está lhe satisfazendo? Será que não tem outra empresa que lhe pague mais? Seu patrão não lhe oferece condições salariais que estejam condizentes com sua capacidade técnica? Procure outro.

Não se trata de ganhar mais dinheiro a todo custo, mas sim se preocupar em ganhar mais dinheiro hoje do que ter que se preocupar em ganhar mais dinheiro depois.

Outro ativo valiosíssimo que temos hoje em dia é o tempo. Não gaste seu tempo à toa, vendo novelinha e filminho. Use-o para incrementar seus conhecimentos. Mergulhe nos livros. Vá atrás de cursos de reciclagem e qualificação profissional. Inscreva-se numa pós-graduação. Dedique-se ao mestrado ou doutorado. Faça um curso técnico. Vá assistir uma palestra. Encha sua biblioteca particular de livros e mais livros.

Quanto mais você se profissionalizar, melhores condições terá de receber uma remuneração à altura. Recebendo uma melhor remuneração, maior será sua capacidade de investimentos. E, aumentando a “massa crítica” de volume de recursos aportados, maiores serão suas chances de fazer seu patrimônio crescer e se multiplicar. Até chegar o dia em que… trabalhar será apenas uma questão de opção, e não de obrigação.

Em suma, reserve um dinheiro todo mês para se qualificar. Pois esse é um investimento que sempre se paga, que gera dividendos sempre. Seja em épocas de crise, seja em épocas de bonança. E isso, meu caro, minha cara, isso ninguém tirará de você. 😀

É isso aí!

Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

Print Friendly, PDF & Email

5 Responses to Um componente importante para sua independência financeira: investimentos em seu aperfeiçoamento profissional

  1. Henrique 1 de outubro de 2010 at 0:39 #

    Muito bom o texto!

    Deixo abaixo uma frase que sempre me inspirou a buscar aprimoração no mercado financeiro:

    “O investimento em conhecimento é o que rende os melhores juros ao longo do tempo.”

    Grande Abraço Guilherme!

  2. rodpba 1 de outubro de 2010 at 11:43 #

    O viverderenda uma vez disse algo “impressionante”: Você consegue mais capital se poupar 10% rendendo 5%a.a. durante 20 anos que poupar 5% rendendo 10%a.a. No contexto do seu post. O “poupar mais” pode ser substituido por “ganhar mais”.

  3. Guilherme 2 de outubro de 2010 at 16:03 #

    Henrique, ótima frase!

    rodpba, concordo! O fator crítico é aumentar a “massa de recursos” para investimentos. E isso só se consegue gastando menos do que se ganha.

    É isso aí!
    Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

  4. J 4 de outubro de 2010 at 12:54 #

    Ver “novelinha” eu concordo que é perda de tempo, mas ver um “filminho” não. Acho tão importante quando ler um livro. Distrai a cabeça, refresca e as vezes até aguça a mente.

  5. Guilherme 5 de outubro de 2010 at 15:05 #

    J, alguns filmes são bons, eu também gosto de vez em quando de assistir um bom filme, desde que não se exagere.

    É isso aí!
    Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

Deixe uma resposta

Powered by WordPress. Designed by Woo Themes